Terça-feira, 11 de Dezembro de 2012
Missão cumprida
por Filipe Boto Machado, Ter 11/Dez/12

Em épocas já algo distantes, um jogo com o Sporting representava não só 3 pontos para o Benfica como -3 para o Sporting na luta pelo título. Neste ano, o jogo resumia-se a saber quantos pontos o Benfica trazia deste jogo. Não podíamos perder pontos contra os calimeros. Nas contas finais, o Porto terá certamente 6 pontos nos jogos com o Sporting. O Benfica tem de somar outros 6 pontos e 3 já cá cantam. Além disso, há sempre o factor motivação de vencer um derby frente ao Sporting. Disse num post anterior que, para sermos campeões, temos de marcar a diferença nos principais jogos deste campeonato, nomeadamente frente a Porto, Braga e Sporting, não só pelos pontos em disputa, mas também pela carga emocional que representa um resultado positivo ou negativo neste tipo de jogos. Ontem, o Benfica venceu, cumpriu a sua missão e continua na luta pelo título.

Quanto ao jogo, confesso que não gostei da forma como o Benfica jogou ontem em Alvalade. Nunca conseguimos ganhar o meio-campo na primeira parte e isso deveu-se à forma como a equipa se posicionou em campo. Se Matic se junta aos centrais na saída de bola e Lima não recua para vir buscar jogo, sobra André Gomes para um espaço de 25x25metros, obrigando o Benfica a jogar apenas pelas alas (uma de cada vez, pois não existe ninguém no meio para receber a bola e virar o jogo) ou no pontapé para a frente (sem ninguém para ganhar as segundas bolas no meio-campo). Contra o Moreirense ou o Paços, este tipo de jogo funciona, pois não se nota o espaço entre o meio-campo e os avançados. No entanto, contra uma equipa que pressione e queira algo mais do jogo, a distância entre sectores torna-se demasiado evidente, o jogo fica denunciado, as linhas de passe não existem, sobram os pontapés para a frente, as perdas de bola sucedem-se e as segundas bolas são quase todas do adversário. O Sporting jogou como equipa pequena. Onze jogadores atrás da linha da bola, meio-campo lotado e pressão em cima dos jogadores do Benfica quando estes passavam o meio-campo de modo a contra-atacar rapidamente com passes nas costas da defesa do Benfica. Pranjic, Elias, Carillo e Capel correram até rebentar e felizmente rebentaram. Com ou sem jogo na passada sexta-feira, o Sporting dificilmente aguentaria aquele ritmo mais do que 60 minutos. Assim aconteceu. Com a quebra do Sporting houve mais espaço para Salvio e Ola John, a distância entre setores no Benfica diminuiu com a subida possível de Matic e André Gomes, Lima passou a fazer a ligação entre o meio-campo e o ataque, e Cardozo apareceu para resolver o jogo como só ele sabe.

Vencemos justamente e continuamos na luta pelo título, mas não fiquei plenamente convencido. Espero que JJ entenda o que não correu bem no jogo de ontem e o corrija quando recebermos o Porto em Janeiro. Nos jogos com os adversários mais pequenos o Benfica ataca 80% do tempo de jogo, logo pouca gente no meio-campo, nomeadamente quando joga em casa, não é um grande problema. Em jogos com nível de dificuldade mais elevado, esta táctica tão "corajosa" coloca-nos a jeito. Não podemos voltar a entregar o meio-campo ao adversário. O que importa no rescaldo deste jogo é que continuamos na luta pelo título e isso, para um benfiquista, é muito mais importante do que uma vitória frente ao Sporting, especialmente este Sporting.

 

PS 1: Boas exibições de Artur, Ola John, Salvio, Lima e Cardozo, especialmente este último, mais uma vez decisivo e a dar mais três pontos ao Benfica. No plano oposto, como o Nuno já tinha referido, exibição insuficiente de Maxi Pereira e a confirmação de que Jardel não está ao nível do nosso capitão Luisão.

 

PS 2: Ontem, o Sporting teve um único português em campo durante os 90 minutos, Rui Patrício. O Benfica jogou com dois portugueses, André Gomes e André Almeida. Já nem esta vitória moral os calimeros podem levar para casa...

gloriosamente escrito por Filipe Boto Machado
link do post | chutar para golo
Os Gloriosos
Últ. comentários
Comigo foi aqui mais pertinho! Estavamos em Agosto...
Comigo, foi em Los Angeles. Pergunta habitual do m...
Há 28 anos, estava eu no metro em Budapeste quando...
Sou sócio do Benfica e o Benfica é a minha associa...
A fase "Rui Vitória" há-de ter melhores dias. Já t...
BLOGCOUNTER
Pesquisar
 
Posts recentes

Muy grandioso

Futebol dos anos 80

Jogos que não se esquecem

1988: Benfica a preto-e-b...

Inferioridade numérica

Arquivo

Setembro 2015

Agosto 2015

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Outubro 2008

Ligações
Mais comentados
20 comentários
19 comentários
16 comentários
16 comentários
Tags

a noite do oscar(1)

a um quinto do preço a que foi vendido o(1)

acidente(1)

adeptos(1)

aimar(3)

aimar; ópera; mozart; flauta mágica;(1)

alá é grande(1)

álvaro(1)

andrades(3)

andré almeida(1)

andré gomes(5)

aniversário(1)

anti-adepto(1)

antifa(1)

arbitragem(6)

assim se vê a grandeza do slb(1)

atletismo(2)

barcelona(1)

basquetebol(1)

benfica(56)

benfica tv(1)

benfica-porto(3)

benficácia(1)

bento(3)

bernardo silva(1)

biografia(1)

bloqueio(1)

bruno alves(1)

cada religião tem a sua catedral(19)

calimero(4)

campeão(2)

capdevila(2)

cardozo(7)

carlos manuel(2)

carrega(1)

carrega benfica(3)

carrega benfica; nós só queremos benfica(1)

carregabenfica(5)

chalana(2)

chalana e aimar(1)

chama imensa(1)

champions league(1)

chapa 4(1)

chorem menos(1)

classe(1)

clássico(1)

classico(1)

clube satélite(1)

confiança(1)

contratações(15)

corram mais(1)

corrupção(1)

cortez(1)

crime organizado(1)

cultura benfiquista(1)

d. eusébio(1)

djaló(2)

eleições(4)

eusébio(2)

fcporto(3)

fruta(6)

fruta e café com leite(5)

funes mori(2)

futebol(2)

futsal(7)

gaitan(5)

garay(2)

glorioso(9)

hóquei em patins(2)

ivan cavaleiro(3)

jj(7)

jorge jesus(23)

josé veiga(2)

lfv(6)

liga(6)

liga dos campeões(14)

luís filipe vieira(9)

luisão(2)

matic(3)

melgarejo(2)

mercado de transferências(3)

modalidades(3)

nelson oliveira(15)

olivedesportos(3)

pedro proença(3)

plantel(2)

portugal(2)

povo(2)

proença(3)

rangel(2)

razões para ser do benfica(5)

rodrigo(6)

rui costa(4)

selecção(2)

somos grandes(3)

sporting(10)

ucl(2)

ultras(4)

vai-te embora que não deixas saudades(5)

yannick djaló(2)

todas as tags

blogs SAPO
Subscrever feeds