Domingo, 11 de Março de 2012

Há qualquer coisa que me ultrapassa quando um treinador que acabou de perder o jogo por 2-1 e viu serem perdoados dois penáltis contra a sua equipa vem falar da arbitragem. Henrique Calisto anda nisto há muito tempo, mas mostrou que a estupidez nada tem a ver com a idade.

 

Quanto ao jogo, uma vitória que teria de ser obrigatória. O Benfica jogou mal na primeira parte, mas ainda assim teve mais posse de bola e um penalty indiscutível sobre Bruno César por marcar. Mais do mesmo. Bruno Esteves é um árbitro medíocre, daqueles que tem tanto medo de errar que acaba sempre por cometer vários erros. Os penalty não marcado sobre Bruno César é o melhor exemplo: mesmo que não tivesse sido falta, de que modo é que se pode considerar simulação por parte do jogador brasileiro? Só se ele não tivesse pernas é que teria conseguido desviar-se do corte a ceifar do defesa. Mau, muito mau, assim como o que não foi marcado sobre Nélson Oliveira. Falar em duplo critério, depois de mais um roubo às claras ao Benfica, só pode ser brincadeira. E lamento ter de falar uma vez mais de arbitragem, mas depois do empate sofrido do Porto, depois de sete minutos e trinta e quatro segundos de compensação mais um penalty por uma mão que corta a bola depois de um remate a meio metro de distância, e do esforço titânico de Bruno Esteves para que o Benfica perdesse pontos, como não falar do nojo em que este campeonato se está a tornar? Não querem que o Benfica seja campeão? Pelo menos que joguem decentemente, para que possamos dizer que perdemos, mas justamente. Este FC do Porto é uma anedota no que diz respeito a futebol, só consegue estar na frente porque tem sido carregado aos ombros pelos ilustres sicilianos do Norte. O resto é secundário. Que continuemos a ganhar, é o que espero, porque ter arbitragens justas é algo não irá acontecer esta temporada. 

 

Adenda: Chama um comentador a atenção para o penalty que ficou por marcar sobre o Jardel. A esse, dou o benefício da dúvida. Mas que é mais penalty esse do que o marcado ontem a favor do clube siciliano, aí já não duvido.

Tags:
gloriosamente escrito por Sérgio Lavos
link do post | chutar para golo
11 comentários:
ora nem mais!

deixado em 11/3/12 às 22:12
responder a comentário

guarda abel
e o penalty sobre o Jardel não conta?

deixado em 11/3/12 às 22:23
responder a comentário

Nightwish
E os penalties sobre o Hulk, ainda não são esta semana que contam?

deixado em 12/3/12 às 01:20
responder a comentário

Relativamente ao Henrique Calisto, temos que ver que ele treino durante os últimos anos no Vietname, e aquela malta come coisas "exóticas", por isso o sr não viu bem o jogo.

deixado em 12/3/12 às 11:07
responder a comentário

tuga
Os árbitros onde influenciam o jogo é no meio campo!! ai é que se vê se o campo está inclinado ou não. Você fala de 2/3 penaltis contra o benfica e o paços falará de outros tantos, isso acontece todas as semanas, em todos os campeonatos. Acho muito fraco o seu tipo de argumentação. Nem um parágrafo fala do jogo, fala dos árbitros, das declarações do trenador adversário.. e então e o benfica, apesar da vitória o jogo mediocre que fez não merece opinião...enfim, e a equipa titular e as opções tácticas não se comenta? devem ter sido perfeitas que nem há por onde pegar... Saudações futebolísticas

deixado em 12/3/12 às 11:08
responder a comentário

Mas ainda há o Braga que agradeceu certamente que a arbitragem tivesse anulado aquele golo ao U. Leiria...

deixado em 12/3/12 às 12:02
responder a comentário

Ora bem,
Acho que devemos considerar o Braga como cadidato.

Têm de ir à catedral, mas se deixarem ganhar os frutas qdo eles lá forem... Vão ter de pedir leite com chocolate para ir à LUZ...

Estamos tramados.

http://aminhachama.blogspot.com/2012/03/benfica-consegue-passar-pelo-imovel.html

deixado em 12/3/12 às 12:47
responder a comentário

Ora, em primeiro lugar, se o critério do árbitro tivesse sido coerente desde o início, vários jogadores do Paços teriam visto mais de um amarelo e depois, quanto à expulsão, gostaria de saber o que pensam os comentadores, mesmo os dos outros clubes.

É que, como muito bem me referiu o meu amigo Luís Pousinho, todos foram unânimes, no jogo em que o Benfica perdeu por 3 a 0 em 2006, contra o Boavista, no Bessa, não é preciso tocar no jogador para se ser expulso, como aconteceu com o benfiquista Manu.

A história desse jogo ficou marcada pelo número 3... O Benfica perdeu por 3 golos, mas também teve 3 (!) jogadores expulsos!

Um deles, como anteriormente referido, foi Manu, numa entrada perigosa em que não tocou no jogador adversário (vejam ao minuto 6, a repetição em câmara lenta):

http://www.youtube.com/watch?v=5hCvTTSy-EE

Poderia pensar-se que o árbitro teria ajuizado mal, pois pensaria que teria mesmo havido toque, mas não é isso que afirmam os comentadores e o mesmo é corroborado pelos vários comentadores de arbitragem do famoso "tribunal d'O Jogo":

http://jorgenunopintodacosta.blogspot.com/2006/09/boavista-3-0-sistema-guia-depenada.html

"JORGE COROADO
(...)
Manu já aos 43 minutos tinha protagonizado um lance igual àquele que ditou, e bem, a sua expulsão. "

"SOARES DIAS
(...)
Sem dúvida que ambos foram bem expulsos. Manu faz uma entrada violenta sobre o jogador do Boavista, sobre o seu calcanhar. "

"ROSA SANTOS
(...)
O Manu tem uma entrada violenta: se atinge o adversário, este tinha ficado mal tratado, partia-lhe as pernas. O árbitro fez bem em expulsá-lo com vermelho directo. "

"ANTÓNIO ROLA
(...)
Manu teve uma entrada de grande perigo sobre o adversário. Independentemente de não o ter atingido de forma muito perigosa, a entrada, só por si, justifica o cartão vermelho."

Notem que nem fui buscar esta informação a alguma fonte benfiquista, mas claramente ligada ao Porto, como podem avaliar se consultarem o link.

Depois do que disseram estes "senhores", nada mais posso acrescentar, a não ser de que o jogador do Paços de Ferreira, mesmo sem ter tocado no jogador do Benfica, foi expulso por levar um segundo amarelo, mas deveria ter levado um vermelho directo!


Abraço,
NF
(Único Quarto-Finalista Português da Champions nº 15194)
http://camisolaberrante.blogspot.com/

deixado em 12/3/12 às 14:00
responder a comentário

Joao
O jogo que o Sr. viu não deve ser o mesmo pois se alguém foi prejudicado não foi o Benfica.
E se continuarmos assim ainda vão acabar um jogo contra 8 se o resultado não agradar

deixado em 12/3/12 às 14:40
responder a comentário | discussão

Ah, ah, ah. "se alguém foi prejudicado não foi o Benfica". Ah, ah, ah. Boa piada. Deve ser da escola calistiana.


Este blogue está a atrair uns bons comediantes.

deixado em 12/3/12 às 15:38
responder a comentário | início da discussão

Comentar post

Os Gloriosos
Últ. comentários
Comigo foi aqui mais pertinho! Estavamos em Agosto...
Comigo, foi em Los Angeles. Pergunta habitual do m...
Há 28 anos, estava eu no metro em Budapeste quando...
Sou sócio do Benfica e o Benfica é a minha associa...
A fase "Rui Vitória" há-de ter melhores dias. Já t...
BLOGCOUNTER
Pesquisar
 
Posts recentes

Muy grandioso

Futebol dos anos 80

Jogos que não se esquecem

1988: Benfica a preto-e-b...

Inferioridade numérica

Arquivo

Setembro 2015

Agosto 2015

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Outubro 2008

Ligações
Mais comentados
20 comentários
19 comentários
16 comentários
16 comentários
Tags

a noite do oscar(1)

a um quinto do preço a que foi vendido o(1)

acidente(1)

adeptos(1)

aimar(3)

aimar; ópera; mozart; flauta mágica;(1)

alá é grande(1)

álvaro(1)

andrades(3)

andré almeida(1)

andré gomes(5)

aniversário(1)

anti-adepto(1)

antifa(1)

arbitragem(6)

assim se vê a grandeza do slb(1)

atletismo(2)

barcelona(1)

basquetebol(1)

benfica(56)

benfica tv(1)

benfica-porto(3)

benficácia(1)

bento(3)

bernardo silva(1)

biografia(1)

bloqueio(1)

bruno alves(1)

cada religião tem a sua catedral(19)

calimero(4)

campeão(2)

capdevila(2)

cardozo(7)

carlos manuel(2)

carrega(1)

carrega benfica(3)

carrega benfica; nós só queremos benfica(1)

carregabenfica(5)

chalana(2)

chalana e aimar(1)

chama imensa(1)

champions league(1)

chapa 4(1)

chorem menos(1)

classe(1)

clássico(1)

classico(1)

clube satélite(1)

confiança(1)

contratações(15)

corram mais(1)

corrupção(1)

cortez(1)

crime organizado(1)

cultura benfiquista(1)

d. eusébio(1)

djaló(2)

eleições(4)

eusébio(2)

fcporto(3)

fruta(6)

fruta e café com leite(5)

funes mori(2)

futebol(2)

futsal(7)

gaitan(5)

garay(2)

glorioso(9)

hóquei em patins(2)

ivan cavaleiro(3)

jj(7)

jorge jesus(23)

josé veiga(2)

lfv(6)

liga(6)

liga dos campeões(14)

luís filipe vieira(9)

luisão(2)

matic(3)

melgarejo(2)

mercado de transferências(3)

modalidades(3)

nelson oliveira(15)

olivedesportos(3)

pedro proença(3)

plantel(2)

portugal(2)

povo(2)

proença(3)

rangel(2)

razões para ser do benfica(5)

rodrigo(6)

rui costa(4)

selecção(2)

somos grandes(3)

sporting(10)

ucl(2)

ultras(4)

vai-te embora que não deixas saudades(5)

yannick djaló(2)

todas as tags

blogs SAPO
Subscrever feeds