Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Catedral da Luz

Catedral da Luz

40M€ ou 60M€? Porque não 100M€?

05.09.12, Filipe Boto Machado

Tenho achado deliciosas as contas da transferência de Hulk para o Zenit. O F.C.Porto comunicou à CMVM a venda de 85% do passe de Hulk por 40M€. Pelas minhas contas, se 85% valem 40M€, 100% valem 47M€. É uma regra de três simples. Nada de muito complicado. No entanto, a imprensa portuguesa tem referido que Hulk foi transferido por 60M€, dos quais o Porto recebeu 40M€ por 85% do passe. Segundo consta, a fonte deste valor de 60M€ é o empresário de Hulk, Teodoro Fonseca. Talvez porque seja demasiado fácil fazer contas e perceber que que não tem como chegar a 60M€, o empresário de Hulk veio esclarecer os contornos do negócio. Segundo ele, aos 40M€ pagos ao Porto pelos seus 85% do passe, somam-se 9M€ pagos ao Restistas por 15% do passe (cada 1% do Rentistas, clube que não tinha direitos desportivos sobre o jogador, valem mais do que cada 1% do F.C.Porto?), 3M€ do fundo de solidariedade (5% do valor da transferência que incidem sobre 60M€ que contabilizam comissões e prémios?), 6M€ de comissões e 2M€ de prémio de assinatura para Hulk. Por sua vez, o Zenit assegura que só pagou 40M€ pelo passe de Hulk. Aliás, vai pagá-los durante três anos. Será que Teodoro Fonseca também fez uma actualização destes valores à data actual? Não me parece, mas até seria menos descabido do que juntar comissões e prémios de assinatura nas contas finais da transferência.

 

Nunca tinha ouvido falar de comissões, prémios de assinatura e fundos de mecanismo de solidariedade como parte do valor global de uma transferência. Qualquer transferência envolve comissões, caso contrário os empresários não estavam no futebol, e o pagamento do mecanismo de solidariedade é uma imposição da FIFA, pelo que está presente em qualquer transacção de futebolistas. A maioria das transferências também envolverá um prémio de assinatura para o jogador transaccionado. No entanto, ninguém fala deste tema quando se transferem jogadores. Porquê contabilizar estes valores nesta transferência e não falar neles noutros casos? Para aproximar o valor dos 100M€ e tornar Hulk a transferência mais cara alguma vez realizada por clubes em Portugal? Já agora, como a criatividade e imaginação está no auge, porque não contabilizar também os salários que o tipo vai auferir durante os anos de contrato? Fica ainda mais perto dos 100M€ e nem vamos estranhar muito o critério se não se colocam em causa as parcelas dos 60M€.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.