Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Catedral da Luz

Catedral da Luz

Eleições antecipadas para defender o Benfica

11.04.12, Nuno Gouveia

Caro Tiago, a questão das eleições antecipadas não coloca em causa a legitimidade do mandato da actual direcção, mas serve apenas para defender os interesses do Benfica. Estando as eleições marcadas apenas para o Outono deste ano, elas poderão ser um factor de instabilidade na equipa quando a época estiver numa fase importante. Aliás, em 2009, talvez com outros objectivos por trás (receio da dupla Veiga/Moniz) as eleições foram antecipadas para o inicio do Verão. Se Vieira pretende recandidatar-se (mesmo após um mandato desportivamente fracassado), tem todo o direito em fazê-lo. Mas antecipando as eleições dará oportunidade a potenciais candidatos de se apresentarem sem com isso causarem instabilidade na equipa. Os sócios poderão escolher calmamente quem entenderem para liderar o clube, e desse modo dar tempo à nova direcção (ou actual, caso vença) de preparar a nova época sem sobressaltos. 

 

PS: muito haverá para falar do mandato de Vieira. Alguns pontos positivos e outros negativos. Mas recordo que o Benfica na década de 80 venceu cinco campeonatos, na década de 90 dois e na década passada outros dois. Parece-me abusivo dizer que Vieira foi o melhor presidente. Diria mais, depois de Vale Azevedo e Manuel Damásio, talvez tenha sido mesmo o pior. Porque teve meios que outros não tiveram e não conseguiu colocá-los ao serviço do sucesso desportivo do clube. E até nas suas alianças no mundo do futebol - Salvador, o anunciado delfim, e Gomes, o contabilista da fruta - denotam um falhanço incrível na defesa dos interesses do clube. Se o sistema continua activo, quem é que apoiou a estrutura que actualmente está no poder do futebol português? 

9 comentários

Comentar post